Festival de Choro e Jazz de Afonso Cláudio: veja a programação na Revista do Choro


Redação

“Transformar a cidade de Afonso Cláudio, oeste do ES, durante um fim de semana na cidade da música”. Este é o mote do Festival de Choro e Jazz de Afonso Cláudio.

panfleto

Proposto com o intuito de difundir a música instrumental, choro e jazz, promover a formação de músicos e constituir plateia para os gêneros, o Festival de Choro e Jazz de Afonso Cláudio chega para agraciar a população de Afonso Cláudio e região com o melhor da música instrumental Capixaba, com uma proposta diferenciada, promovendo o desenvolvimento sociocultural e econômico para a região, além de proporcionar aos músicos liberdade para interpretação, improviso e performances dentro de um extenso leque de sons e ritmos, além de liberdade para criação e inovação.

A busca pelo desenvolvimento vai ao encontro de um desejo latente da população brasileira por uma reconstrução cultural, que contemple novos modos de comportamento de nossa sociedade. Para isso, o festival conta com roda de choro diária, aberta à participação do público. Assim, a cultura se materializa como uma rede de práticas e interações sociais. Diante desse quadro, a democratização e o consumo cultural, a formação artística e de plateia, vêm a ocupar o lugar central desse evento. Logo, Promove-se a valorização do potencial técnico, artístico e estético de profissionais da área e leva as mais diversas linguagens culturais ao alcance de todos, pois vislumbra-se o acesso à pluralidade cultural, fixando-se em alternativas aos modelos expostos pela grande mídia.

O Estado do Espírito Santo conta com um público crescente de Jazz nos últimos anos. O Festival de Manguinhos, no município de Serra, e o festival de Bossa e Jazz de Santa Teresa já mostraram que o Jazz é uma atração que tem um segmento de poder aquisitivo considerável. Entretanto, os eventos aqui realizados não exploraram ainda a mistura do Jazz e riqueza do Choro, primeiro ritmo considerado de origem brasileiro, tanto que este será o primeiro evento do estado que reúne esses dois segmentos num mesmo palco.

O evento será realizado em abril, ou seja, entre o Festival de Manguinhos e o Festival de Santa Teresa. O período escolhido foi o feriado prolongado de Tiradentes (21 de abril), que cairá numa quinta-feira. Além disso, o dia nacional do Choro é comemorado no dia 23 de abril, dia que será encerrado o evento.

O município de Afonso Cláudio, localizado há 147 km da capital, foi escolhido por se tratar de uma região que tem tradição de festas abertas ao público, além de ter uma história particular com o jazz – há registros de bandas de jazz locais na década de 1930.

Da quinta ao sábado, haverá apresentações na praça e no palco principal, em diferentes horários, transformando a Afonso Cláudio na cidade da música naquele fim de semana.

Esse evento conta com o patrocínio da Funcultura, contemplado pelo edital da Secretaria Estadual de Cultura do Estado do Espírito Santo, além do apoio da Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio, da Loja Maçônica José Cupertino e Associação Turística de Afonso Cláudio. Isso comprova que a população local está empenhada em fazer desse festival um evento memorável.

Este slideshow necessita de JavaScript.

PROGRAMAÇÃO

Quinta – 21 de abril Sexta – 22 de abril Sábado – 23 de abril

Dia Nacional do Choro

Local: Praça

Roda de Choro (aberta à participação de todos)

Local: Palco Principal

20 h – Abertura do Festival

20h30 – Lançamento do CD “Violino Brasileiro” com o violinista Hariton Nathanailidis

22h – Duozil e Léo de Paula

Local: Palco Principal

20h – Flauta Brasil

21h30 – MB Trio

23h – Gean Pierre

 

 

Local: Palco Principal

20h – Trio Aruanda

21h30 – Carne de Gato -

23h – Ailton Paulo (Maestro Colibri)

 

Contatos: guanaproducoes@gmail.com

Whatsapp: 27 9 9880 7024

Site: http://choroejazz.com.br/

Fan Page: https://www.facebook.com/festivaldechoroejazzemafonsoclaudio/